sexta-feira, 26 de agosto de 2016

RESENHA: MELODIA DO AMOR - LUANA TOGASHI.


Boa tarde, meus pequenos Cupcakes. Hoje deixarei para vocês a resenha do livro de nossa querida Luana Togashi!


LIVRO: Melodia do Amor.
AUTOR (A): Luana Togashi.
PÁGINAS: 228.
SINOPSE: “Melody é uma garota dedicada, cursa jornalismo e estuda muito para chegar a seus objetivos. Mas tem uma forte paixão pela música, e para ajudar os pais a pagarem sua faculdade ela resolve trabalhar em uma loja de música. Ela irá conhecer Nathan, um garoto teimoso que vive do dinheiro dos pais, já que resolveu fazer uma banda youtuber e se dedicar mais nela do que em outras coisas. Ele tem a beleza perfeita, mas um gênio péssimo. Ama encher a cara na balada toda a noite, e chegar só ao amanhecer em casa. Eles têm tudo para se odiarem, mas também para se amarem... Porém a única coisa que parecem ter em comum é a paixão pela música. Mas irão descobrir que isso pode valer muito mais. E então, o que será que irá acontecer?”


Este livro conta a história da garota Melody, uma aspirante a jornalista completamente apaixonada por música. Ela cursa uma boa faculdade, e para ajudar seus pais à paga-la, Melody arruma um emprego em uma loja/escola de música.


Logo em seu primeiro dia, ela conhece Nathan, o filho arrogante de seus chefes que só quer saber de sua banda. Por mais que tente negar, Melody acaba se apaixonando pelo guitarrista e ele por ela. Mas, suas dúvidas e medos, acabam impedindo o relacionamento dos dois... Ou será que não? O casal enfrentará muitos obstáculos para decidir se ficarão juntos ou não.


A obra é bem curtinha, fácil de ler. Eu amei a história, os personagens e as músicas que tocavam. A diagramação do livro é boa, com divisão em capítulos números.


Contudo, eu não gostei da escrita. Não sei, sabe quando a historia está maravilhosa, mas a narrativa te desmotiva um pouco? Foi assim. O livro tem alguns erros gramaticais que às vezes impediam a compreensão do leitor. As escolhas de palavras de alguns momentos poderiam ser melhores.


Luana, eu amei de coração todo o romance, seus personagens são muito bem construídos, mas sugiro que se aprimore mais. Tenho a absoluta certeza de que tem muito talento e mais histórias maravilhosas dentro de você, apenas precisa dar um toque a mais a sua escrita.


Deixo abaixo, para vocês, a minha seleção de trechos:


“Rapidamente, nós nos soltamos e eu me senti vazia e gelada, queria voltar para o 
aconchego que seus braços tinham, mas infelizmente não podia”


“Isso era tão estranho. Nos conhecemos a muito pouco tempo e já nos amamos. Acho que é verdade o que dizem sobre algumas pessoas no mundo serem feitas para outras. Mesmo com as complicações, sempre tem alguém especial que está em algum lugar nos esperando, logo ele sempre aparece.”

segunda-feira, 22 de agosto de 2016

RESENHA: O FINAL PODE ESPERAR - MIRNA MICHELI NESI.


Hoje é dia de RESENHA!! Maas, dessa vez é de uma autora que vocês já conhecem, a querida parceira Mirna Micheli Nesi. Aproveitem!


LIVRO: O Final Pode Esperar.
AUTOR (A): Mirna Micheli Nesi.
PÁGINAS: 216.
EDITORA: Angels Publishing.
SINOPSE:Alice é uma jovem escritora que fez muito sucesso com seu primeiro livro, do gênero terror, A noite das trevas. E o despretensioso lançamento dele chamou a atenção de uma poderosa empresa, a editora Hades.

Após assinar um contrato com a editora, ela foi convidada para escrever a sequência da obra, intitulada: A morte ao entardecer. Entretanto algo de inesperado acontece na tarde de autógrafos do primeiro livro da série.

Mais tarde, a escritora descobrirá que não poderia terminar de escrever a série. Vendo-se numa disputa entre os servos das trevas e os guardiões celestiais. Já que se ela escrever a série, o mundo que conhece mudará drasticamente.”


Este livro conta a história de Alice, uma jovem escritora que está no auge do sucesso. Ela vê seu livro sendo vendido como água e logo é contratada por uma das melhores editoras de livros do gênero terror.

Enquanto continua a escrever a sequência da série, Alice se vê atormentada entre a escolha de servir o bem ou o mal, e assim decidir o destino do mundo.

A obra é de um estilo que muito me agrada: suspense/terror. A diagramação é boa também, com uma linguagem fácil regada com ironias que me fizeram rir. Possui divisão em capítulos numerados e a capa é linda. Só parava de ler quando era realmente necessário, e já indiquei à algumas pessoas, que adoraram!

Parece que você tem muito disso, não é Mirna? Fazer as pessoas amarem seus livros, seja adolescente, professor, pais... Qualquer um!

Apesar de Azazel ser um ser mal, eu achei  muito engraçado. Em vários momentos ele me fez rir com suas falas sarcásticas. Aos outros personagens, gostei muito de Kate e Rafael, sem contar é claro com nossa querida Alice.

A única coisa da qual não gostei muito, foi o fato de o final ter sido curtinho. Acho que poderia ter tido algumas páginas a mais, mas me agradou mesmo pequeno.

A minha curiosidade está enorme em saber o que o Steve e sua mãe tinham de tão ruim para serem julgados rápido daquele jeito! Mas, como nosso anjinho disse, seria antiético perguntar.

Por favor, Mirna, continue a escrever e a nos presentear com deliciosas histórias!

Deixo abaixo, para vocês, minha seleção de trechos:

Pobres mortais. Sempre em busca de provas para explicar o que sua ciência e suas crenças não conseguem compreender.”

Após passarem pelo rio, as almas eram conduzidas para o centro da cúpula. Organizados ao redor de um tablado em forma de círculo. Uma densa fumaça negra se condensa e materializa um dos servos do mandatário do inferno: Azazel.”

“Celular?! Você se comunica com os anjos por WhatsApp?”

“Viva, Alice. Escolha seus caminhos sem se prender aos caminhos de outras pessoas.”

quinta-feira, 18 de agosto de 2016

RESENHA: LUXÚRIA (HERANÇA DE SOMBRAS) - J. BIZATTO.


Cupcakes, estou de volta com mais uma resenha. A de hoje, é do livro da linda parceira J. Bizatto!


LIVRO: Luxúria – Herança de Sombras.
AUTOR (A): J. Bizatto.
PÁGINAS: 340.
SINOPSE: “Samantha cresceu nos luxos e tradições de sua família desde cedo, aprendeu a não perguntas. Ela não precisa saber o que aconteceu com seu pai, ou porque a Vozinha não permite que as garotas saiam em noite de lua cheia, ou ainda entender a razão pela qual nenhuma Hoffer jamais morou fora da ilha, quanto menos saiu da cidade de Tormento. Ela não precisa saber, apenas obedecer.
Porém a obediência se põe a prova quando Benjamin aparece em sua  insistência, com seu charme e com sua tendência a aparecer no momento que ela mais precisa. De repente o certo parece errado, e o errado... Irresistível!
“Samantha e Tormento não sabem, mas suas vidas jamais serão as mesmas.”



“Nem toda inocência sobrevive ao destino, mas todo segredo nasce com a promessa de um dia ser revelado.”


Este livro conta a história de Samantha, uma garota aclamada por sua beleza incrível, igualmente as suas primas e irmã. Ela passou por momentos difíceis com a perda de seu pai, mas o surf a salvou e sua vida parece estar normalizada até que aquele par de olhos verdes chega a Tor.


Benjamin, e sua irmã Tâmisa, se mudam para cidade e desde a primeira vez que os olhos de Sam encontram os de Bem, ela se sente atraída por ele.
Por mais que ela tente negar, continuando seu namoro com Martin, Sam não pode mais escapar, ela está perdida e incondicionalmente apaixonada por Benjamin.


A obra me prendeu desde a primeira frase e quase me fez ter um ataque do coração com a última. Eu li pensando que seria só mais um romance... Nunca gostei tanto de ser enganada pelo começo de um livro!


É de uma escrita muito fácil, a moda gaúcha tchê! Bom, brincadeiras a parte, a diagramação do livro é boa, com divisão de capítulos numerados, além de a capa ser diva.


Samantha me fez sentir eu mesma, com meus problemas em alguns momentos. Quando ela estava triste, sentia uma imensa vontade de abraçá-la, assim como senti vontade de estapeá-la às vezes. Desculpe Juliana, mas em alguns momentos dava (hahaha).


Aos outros personagens, gostei muito de todos, menos do Martin... Que pessoa duas caras, gente! Como pôde fazer o que fez? Quando li, fiquei indignada. As personagens que mais gostei foram aquelas borboletas insistentes! E ok, confesso. Já quero ser uma Hoffer.


Livro bom é assim. Traz enormes emoções, te deixa de ressaca, te faz querer mais. E eu quero mais. Não consigo parar de pensar no final, e me perguntar sobre aquela última frase. “Será que ele será capaz?”


Eu super, hiper, mega indico esse livro pro mundo inteirinho!


  Deixo abaixo, para vocês, a minha seleção de trechos:


“Eu não entendia essa obsessão por saltos, elas já não eram altas o suficiente? Tinham de me fazer sentir o próprio anão de jardim em sua presença?”

Não tinha volta, e era por que eu não queria. Eu estava triste exatamente por isso, porque o fim é triste mesmo.”


“[...] eu amo você, mas não estou mais apaixonada por você, e não consigo mais voltar a me sentir assim. Desculpe.”


“Nós devíamos ter química, física, e com certeza a biologia!”


Ps: Pelo amor das minhas estrelinhas, termine logo o segundo!


terça-feira, 16 de agosto de 2016

RESENHA: A OUTRA CHANCE - AFONSO CELSO BRANDÃO DE SÁ.

Oii Cupcakes! Hoje tem resenha!! Dessa vez é do livro de mais um parceiro: Afonso Celso Brandão de Sá. Espero que gostem! :3


LIVRO: A Outra Chance.
AUTOR (A): Afonso Celso Brandão de Sá.
PÁGINAS: 198.
EDITORA: Chiado Editora.
SINOPSE:Nem sempre o homem é o senhor de suas decisões. Há certas circunstâncias em que o sentimento supera a razão e para todo o sempre há uma voz superior. O homem é o senhor do seu destino, mas ele deve responsabilidades a um ser superior.
Um vírus mortal ataca a humanidade e coloca-a em risco de extinção. Um homem, designado por uma força superior para salva-la descobre, afinal, a razão da existência dessa ameaça e porque é escolhido para tal missão. No entanto, um preço muito alto terá que ser pago para conseguir esse objetivo. Mesmo sem querer, ele tem uma missão que terá que cumprir a qualquer custo, independente de sua vontade.
Descubra os desígnios  da humanidade, porque estamos aqui e se merecemos estar aqui.”

Este livro se inicia com o encontro de três colegas, sendo um deles Gabriel. Gabriel começa a contar uma história para seus dois amigos, Cesar e Paulo, e então a vida dos Radiani começa.
Luís Radiani e sua família (Sonia- sua mulher, Pablo e Elisa- seus filhos), estão passando por maus bocados em sua vida. Um vírus altamente mortal infectou o planeta Terra e está colocando a espécie humana em extinção.
Essa doença (RT-35), considerada o “mal do século” foi ceifando vidas de uma a uma. OS Radiani, enfrentavam além da doença, os chamados “Vingadores”, que eram portadores do vírus que juravam massacrar o resto da população causando muitas e muitas tragédias.
Luís acaba por perceber que foi escolhido para algo muito importante, após um sonho realístico. Porém, será ele capaz de conseguir o que lhe será designado? Eu poderia contar... Mas, não. Você terá de ler o livro para descobrir.

A leitura é fácil, e é um livro curto. Perfeito pra se ler em uma tarde preguiçosa. É repleto de conhecimentos sobre todos os tipos de coisas.

Eu realmente gostei bastante, apesar de o gênero não ser um dos meus preferidos, a metáfora imposta pelo livro causa arrepios aos nos fazermos a pergunta: “realmente merecemos estar aqui?”. Será que deveríamos? Luis Radiani e Afonso (o autor) nos trazem esses questionamentos com a graça espetacular de um belo romance.

Já estou ansiosa para poder conhecer mais do seu trabalho e imaginando quais serão minhas próprias próximas questões a serem levantadas com ele.

Super recomendo!

Deixo abaixo, para vocês, a minha seleção de trechos:

“Só contemplando esta beleza infinita é que se pode ver como Deus foi tão generoso na sua concepção.”

“A chuva aumentou de intensidade e um relâmpago iluminou toda a floresta, pedras, montanhas, rios e animais em volta daquele macaco, deixando aparecer uma mecha branca no lado esquerdo de sua cabeça.”


sexta-feira, 12 de agosto de 2016

RESENHA: A CASA DAS HOSTESSES - DÉBORAH FELIPE.



Hi guys! Hoje temos mais uma resenha, e será do livro da parceira Déborah Felipe. Espero que gostem Cupcakes! 



LIVRO: A Casa das Hostesses.
AUTOR (A): Déborah Felipe.
PÁGINAS: 156.
EDITORA: PenDragon.
SINOPSE: “O que você faria se tudo o que planejou para sua vida desmoronasse em um segundo?
Para onde iria quando seu coração é partido e nada mais parece verdadeiro?
Quem buscar quando você busca aconchego e conforto numa noite de tempestade?
“As hostesses podem cuidar de você...”


Este livro conta a historia de Souji, um jovem que acaba de ser traído pela noiva com seu pai, coisa que fez sua vida virara de cabeça para baixo. Seu amigo Yusuke, ao saber da história, tem em mente um ótimo lugar para levá-lo e o fazer esquecer tudo: A Casa das Hostesses.

A Casa das Hostesses é uma boate onde lindas moças trabalham dando companhia aos rapazes que vão lá. Ao chegar lá, Souji conhece Selina que realmente o faz esquecer-se de tudo... Mas se apaixonar por ela.

Em meio suas amizades e seu novo amor, Souji tem de fazer uma escolha: Se afastar de todos e atender aos pedidos de sua ex-noiva de casar-se com ela, ou... Isso você só saberá lendo.

A obra é bem pequena, muito gostosa de ler. Quando comecei não consegui mais parar. Resultado: leitura de menos de 24 horas!

É um romance nada água com açúcar, todo cheio de emoção, suspense e “Meu Deus, o que vai acontecer agora?”. Déborah é apaixonada pela cultura japonesa, e claro que isso não poderia ficar de fora do seu livro. Está presente tanto nos nomes dos personagens, quanto no local onde tudo acontece.

A diagramação do livro é boa, com divisão em capítulos numerados e nomeados, a capa é lindíssima e instigante ao leitor. A única ressalva, é que a autora deveria ter separado melhor a “troca” de personagens.

Eu adorei o livro, as hostesses, os rapazes. Senti-me, também, acolhida pela casa.

Estou ansiosa para ler seus próximos livros!

Super recomendo a todos.

Deixo abaixo, para vocês, a minha seleção de trechos:

“Um vazio tão mundo e obscuro
Que não permite nada preencher
Um cálice profano e imaturo
“Que entidade alguma irá tecer...”


“Sabe? Quando eu descobri que estava apaixonada por Yususke e não sabia o que fazer, uma amiga muito sábia me disse que quando a vida te coloca numa encruzilhada e você já não pode mais confiar no que vê ou na sua razão, você fecha os olhos e deixa que o coração guie seus passos para a estrada que o destino te reservou.” 

quarta-feira, 10 de agosto de 2016

RESENHA: ÉRICA - LARISSA BARROS LEAL.




Olá Cupcakes! Trago pra vocês mais uma resenha. Hoje, do livro da parceira Larissa Barros Leal. Espero que gostem!



LIVRO: Érica.
AUTOR (A): Larissa Barros Leal.
PÁGINAS: 271.
EDITORA: Novo Século.
SINOPSE: Érica (15 anos) tinha uma vida normal em Fortaleza até a manhã em que seus pais foram mortos no lugar dela. Após descobrir que foi incluída na lista negra da ordem das doze tribos de Israel (ODTI), recebe um convite para se tornar uma agente da Europol, que luta com todas as suas forças para impedir que fundamentalistas exterminem a humanidade.
Enquanto isso, em Moscou, dois jovens sobrevivem a um duplo atentado que mata quase todos os seus amigos e lidam com a revelação de um segredo que envolve uma das vítimas. No Cairo, uma ONG islâmica tenta escapar de uma armadilha arquitetada pela ODTI para submetê-la às suas decisões. Em Washington, sede da Ordem, a filha de um funcionário da Casa Branca cai em ciladas para que seu pai colabore com os radicais. Em Pequim, um filho procura o pai, há meses desaparecido...
Todas essas histórias se conectam. As tensões não se dão apenas entre povos e religiões, mas também entre pais e filhos, amigos, casais. Conseguirá Érica salvar a todos da destruição cada vez mais próxima?”

Esse livro conta a historia da brasileira Érica, que na manhã seguinte a festa do seu aniversário de 15 anos, recebe a noticia de que seus pais foram assassinados. Érica se vê perdida quando um jovem estranho, chamado Derek, a convida para ir ate Frankfurt e vingar a morte de seus pais.

A obra me prendeu bastante, é cheia de suspense e revelações como eu gosto. Eu gostei muito de todos os personagens, pois não são aquele tipo que está ali só pra ser coadjuvante, cada um deles tinha sua própria história que se entrelaçava com as outras.

Achei que a Érica conseguiu lidar com tudo muito bem, do começo ao fim foi madura, enfrentando todos os obstáculos que surgiam para atrapalhar sua “missão”. Os outros personagens também tiveram seus momentos decisivos da história, o que achei bem legal.

A leitura é bem fácil, com muitos detalhes, o que faz a gente conseguir visualizar o que está lendo. É divido em partes, que por sua vez são divididas em capítulos numerados. Dentro do livro, a autora nos presenteou com pequenos detalhes desenhados na divisão de personagens (os achei muito fofo).

Fiquei chateada em algumas partes, por que os personagens são tão bem criados que conseguiam nos transmitir seus sentimentos, porém teve momentos de muita alegria para alguns, como os casais.

Mas se você está pensando que é só mais um romance... Está enganado. O livro contém muito de religião; conceitos de caráter, perdão, maturidade e um toque político.

O final... Ah, o final... Larissa Barros Leal, que final hein?

Bom, eu gostei muito, muito do livro inteiro. Já recomendei para varias pessoas, e elas pareceram achar o livro interessante também. Espero que possa ler mais obras suas. Faça um favor pro Brasil, e continue a escrever!

Super recomendo!

Deixo abaixo, para vocês, a minha seleção de trechos.

“[...] a morte, de repente, tornou-se minha única aliada no meio de tantos inimigos. [...]”

“[...] ensinou ao mundo uma lição singular: numa guerra não existem vencedores. Todos perdem: vidas, sonhos e futuros. Por cada pessoa, soldado ou civil, que morre numa guerra, a humanidade perde um pouco de sua essência, e os países, parte de seu maior patrimônio.”

“Em meio a duras perdas, nasce a determinação.”

domingo, 7 de agosto de 2016

RESENHA: COPAS - DAN CASTRO.



Cupcakes! Hoje tem nova resenha ❤ Dessa vez de Copas, do parceiro Dan Castro. 

LIVRO: Copas (Naipes).
AUTOR (A): Dan Castro.
PÁGINAS: 413.
EDITORA: Novo Século.
SINOPSE: "Samantha não está em sua melhor fase. Além da perda repentina da mãe, devido a um acidente de carro, seu pai agora namora a mais severas de suas professoras. Como se já não fosse o suficiente, seu namorado decide terminar a relação.  Ela então, se vê forçada a vê-lo feliz com outra garota enquanto sofre em silencio.
Sam tem o apoio de seus melhores amigos, Tina e Erick, para lutar contra a dor e o pessimismo. Contudo, ela ganha uma nova distração quando novos vizinhos mudam-se, às pressas e no meio da noite, para a sua pacata rua. Intrigada, ela passa a investigá-los e descobre que a bagagem deles inclui mistério, morte e uma razão mais profunda sobre a repentina mudança para aquele lugar. Afinal, nas ruas mais calmas se escondem os mais obscuros segredos.”

Meu Deus. Estou chocada.

Este livro conta a historia de Samantha, uma garota que está enfrentando  muitas perdas. Sua vida mudou de cabeça para baixo quando perdeu sua mãe em um acidente de carro, seu namorado em um término público e... Bom, e quando seus novos vizinhos se mudaram no meio da madrugada.

Samantha, ao os ver entrando em casa como fugitivos, logo têm uma horrível sensação de perigo. O que ela não imaginava, é que realmente deveria ficar à maior distância possível dessa família.

A obra me prendeu desde o inicio, apesar de perto do final, cogitar parar de ler um pouco para que não acabasse. Eu não resisti, tive que ler. É, eu ainda não superei. 

Achei a Samantha uma garota bem engraçada, e nos momentos difíceis, eu me identifiquei muito com algumas palavras dela, me senti como ela, me senti como se fosse ela. No momento final do livro, quando vi que teria que me despedir dela, confesso que fiquei muito triste. Apesar de ter lido o livro em pouco tempo, me apeguei bastante a ela, e aos outros personagens também. Menos a Thaís. Thaís é uma v#%@. Desculpe.

Os personagens secundários são bem ativos e enfrentam os seus próprios dilemas, nos intrigando também. As atitudes alguns me faziam rir, enquanto outras me davam raiva, como por exemplo, as da Thaís e do Felipe para com a Sam.

A linguagem do livro é bastante fácil, bem adolescente, a leitura fluí rapidamente. Tem divisão em capítulos nomeados e a capa, af que capa linda.

Nem preciso dizer que amei, não é? 

Pra quem gosta de suspense, leitura teen, super indico Copas.

Sério, leiam! 

Deixo abaixo, para vocês, a minha seleção de trechos:

“Eu odiava o mundo das duplas. Não importa quantos amigos você tenha, algum dia você vai terminar sozinho, sem alguém para formar sua dupla. Pensando bem, a vida não é muito diferente disso.”

“[...] Deve-se tomar muito cuidado com o amor. Uma vez descuidado, pode simplesmente ficar inverso, transformar-se em ódio. Era o que eu sentia.” 

“Eu não estava sentindo nada. Eu me sentia vazia e só, não havia mais espaço para qualquer sentimento.”

“Que alivio era poder saber o que eu estava sentindo! A corrente elétrica passando pelo meu corpo, a vontade de sorrir, a coragem para me atirar nos braços de alguém. Aquilo era a liberdade. Eu estava livre.”

“Definitivamente, meu novo capítulo tinha começado. E eu mal podia esperar para vivê-lo.”

Ps: Dan Castro, escreva logo os próximos naipes para que eu possa continuar a viver. Obrigada.

sexta-feira, 5 de agosto de 2016

RESENHA: VINGADOR PRATEADO - MIRNA MICHELI NESI.



Olá Cupcakes! Hoje é dia de que? De RE-SE-NHA! E dessa vez, é do livro da parceira Mirna Micheli Nesi. Espero que gostem! 



LIVRO: Vingador prateado.
AUTOR (A): Mirna Micheli Nesi.
PÁGINAS: 480.
SINOPSE: “Vingador Prateado é uma épica aventura, a qual a tripulação foi contratada pelo conselheiro do rei para encontrar um lendário tesouro amaldiçoado, o tesouro do Rei Philipe.
Quem comanda a perigosa busca é o Capitão Jones, que reuniu os mais valentes piratas dos Sete Mares, incluindo sua hábil e inteligente sobrinha Isabeli e seu filho Edgar, sendo este o guia desta misteriosa caçada. Entretanto, antes disso, eles precisam encontrar dois anéis, que formam uma chave, e revelará o tesouro.
Durante a incrível jornada, segredos serão revelados, e eles enfrentarão muitos perigos, aventuras e traições.
Drama, violência, romance e humor enriquecem a trama desta fantástica história, e você está convidado a navegar com o Vingador Prateado e sua jornada em busca do tesouro perdido.

Este livro conta a história da tripulação do Vingador Prateado, um navio pirata que foi contratado pelo conselheiro do rei de Órion, para encontrar o tesouro da família Nockfell, um lenda muito conhecida que ele descobriu ser real. A tripulação aceita, e nessa viagem eles passam por coisas horríveis e lutam pela sua sobrevivência, entre casos de amor e bravas lutas.

Vingador Prateado me prendeu desde o começo, apesar de ser um livro que muitos considerariam grande, foi uma leitura bem rápida, pois a historia te persegue a cada segundo que você passa sem ler. No meu segundo dia de leitura, estava eu a ler na escola, e um professor de história veio me perguntar sobre ele e pedir emprestado! Não parava de olhar para o livro, como se desejasse que fosse seu. Achei gratificante apresentar um livro incrível (e nacional!) como esse, para uma pessoa como ele.

Bem, voltando ao livro... As palavras são de fácil entendimento, então bem gostosas de ler. A sua diagramação conta com notas de roda pé, divisão em capítulos e índice. 

É um livro que me fez rir em vários momentos, alguns personagens me deram uma vontade louca de estapeá-los e outros me encheram de amor... E o senhor Thomas... Bom, nem tenho como falar o quanto ele é engraçado com seus faniquitos! Haha!

Mirna, obrigada por presentear o Brasil com um livro tão bom e legal quanto esse, é clarooo que lerei os próximos que virão!

Deixo abaixo, para vocês, a minha seleção de trechos:

“ [...] O sol observava de longe as curvas sinuosas do navio, assim como um aprendiz a admirar a obra do seu mestre escultor. [...]”

“Senti toda a minha força vital transformar-se em fumaça. As circunstâncias colaram seus lábios desdenhosos em meu peito e soprou longe de mim, a vida.”

“ Eles caíram embebidos em seu próprio sangue. Os covardes também experimentaram o metal frio do justiceiro. Os guardas revidara o ataque sem piedade. Muitos caíram mortos no contragolpe.”



Ps: O livro contém alguns erros gramaticais visíveis.

segunda-feira, 1 de agosto de 2016

RESENHA: O ASSASSINATO DA PRESIDENTE DO BRASIL - CAPPATTI.


Olá Cupcakes! Hoje é dia de mais uma resenha. Dessa vez do livro do parceiro Cappatti! Espero que gostem. 


LIVRO: O Assassinato da Presidente do Brasil ( ILUMINARE).
AUTOR (A): Cappatti.
EDITORA: Selo Jovem.
PÁGINAS: 248.
SINOPSE: "Em meio aos manifestos contra os escândalos políticos e o desejo de impeachment da Presidente do Brasil, eles ouviram os gritos de Basta! Mas também ouviram outras vozes. O ASSASSINATO DA PRESIDENTE DO BRASIL é o primeiro livro da trilogia ILUMINARE, obra inédita e instigante que lhe conduzirá por diversas emoções. Terás o gostinho de matar a Presidente? Alguém já disse que ler é levar a alma pra passear, a presente obra promete acelerar os passos. O que será que se esconde por detrás das cortinas do Governo? E o que temos nas ruas além de indignação popular? Seja a principal testemunha dessas revelações e presencie todas as situações com seus romances acalorados, numa trama intensa a respeito da linha tênue entre ficção e realidade, Mergulhe nas discussões de ordem comportamental, moral, ética, política e filosófica, resgatando polemicas do passado e enfrentando as do presente."


Este livro conta a história de um trio um tanto impensável: Um coronel do exercito, um advogado e um contrabandista. Os três se juntam com o intuito de limpar o governo brasileiro, matando a presidente, e se tornam amigos. Entre essa trama, há o romance de Denis (o advogado) com Isis ( a filha do coronel) e muitos casos de intimidade de casais.

Denis, que foi culpado pela prisão do coronel Rocha, o procura juntamente com Picolé (o contrabandista), e os convida para fazerem parte desse ato de revolta. Ele não explica quem é o mandante e muito menos dá detalhes sobre isso. Os dois, coronel e contrabandista, aceitam por seus pessoais, e então está formado o trio assassino.

O livro me prendeu bastante, porém a maneira como é desenvolvida as falas, com pouca ordem, me deixou um pouco confusa em certas ocasiões. A diagramação é boa, com detalhes desenhados e divisão em capítulos com dias, coisa que me agradou bastante.

Desde as primeiras páginas até as últimas, o livro é uma verdadeira aula de política e conceitos governamentais, o que provavelmente se deve ao fato de o autor ser advogado.O que aprendi com ele com certeza irei levar para as minhas aulas e para a vida.

Quando estava chegando ao fim do livro, estava quase louca de vontade de fazer parte dele, de ser um dos personagens. Estou aguardando ansiosamente a continuação, pois o final... Aaah, que final foi aquele, senhor Cappatti? 

E você, terás o gostinho de matar a presidente?

Deixo abaixo para vocês, a minha seleção de trechos:

"[...] errar não é humano, humano é querer acertar."

"[...] Nascer, crescer, reproduzir e morrer. Alguém já disse que a existência humana se resume a essa cronologia. [...]"

"Às vezes, revelar um pensamento é vergonhoso."