terça-feira, 6 de junho de 2017

RESENHA: IRMANDADE DAS OLÍVIAS (A BÚSSOLA DO DESTINO) - ANA CAROLINA ALMEIDA SOUZA.



Destino, Fado e Sonhos... Em qual deles você se encaixa?



LIVRO: A Irmandade das Olívias (A Bússola do Destino).
AUTOR (A): Ana Carolina Almeida Souza.
EDITORA: Paka Tatu.
PÁGINAS: 266.
SINOPSE: “No segundo livro, já se passaram oito meses desde que Olívia começou a faculdade. Yale, no entanto, parece um mundo pequeno demais para os novos mistérios que começam a cercá-la, enquanto parece que A Irmandade que determinou as suas missões esconde ainda mais surpresas.”

Leia a resenha do primeiro livro para não encontrar spoilers: O Diário da Sonhadora. 

Em “A Bussola do Destino”, segundo livro da série Irmandade das Olívias, encontramos uma Olivia um pouco mais madura e relaxada em suas missões de Sonhadora (que recebeu juntamente com o diário – episódio do primeiro livro).

Olivia ingressou na Universidade Yale, porém sozinha, já que sofreu de uma grande e desastrosa desilusão amorosa. Mas, não está completamente só: ela passa a viver com Uli e Irma, duas garotas que se tornam muito amigas d Olivia e importantes na trama. A jovem vive também com Caleb, irmão de sua melhor amiga Emma, seu Mensageiro (também relacionado às missões) e sua antiga paixão adolescente.


Contudo, sua vida de universitária não é comum. Lydia, uma antiga desavença do Destino está mais perto do que nunca. Mistérios rondam Olívia cada vez mais. Novas e antigas paixões aparecem. A mitologia é aflorada. Será que Olívia levará essa história de ser uma de muitas em busca de ajudar nos sonhos dos próximos?

Ana Carolina (a autora) realmente caprichou nesse segundo volume! Logo no início da leitura tive como certa minha afirmação da primeira resenha “Sinto que esse primeiro romance, teve um final necessário [...] para se tornar o prenúncio de uma grande e envolvente aventura.”, pois somos surpreendidos com a narração não só de Olivia, como antes, mas também temos a de Lydia, o outro lado da moeda. Ou melhor, o ponto sul do norte de Olívia.

Essa dupla narração nos apresenta um pouco mais da história do Destino. Podemos conhecer mais de Lydia - suas paixões e cargos na trama - , que no fim da primeira obra fica sendo a antagonista. Mas aqui percebemos que não é bem assim. Como Olívia, ela só fez o que era necessário para não ferir ninguém... Mortalmente.

Mais uma vez, Ana Carolina traz escrita e personalidades das personagens impecáveis. Mesmo nos personagens secundários é possível perceber certo nível de amadurecimento. É legal saber que como leitores, estamos acompanhando essa evolução!

Apesar de esses 24 capítulos numerados, nomeados e alternados entre Olívia e Lydia satisfaça ou pouco mais a curiosidade de nós, fãs da saga, ainda ficam algumas pontas soltas e muito mistério para o próximo volume.

Já quero muito! Recomendo mais ainda!

Deixo abaixo, para vocês, a minha seleção de trechos:

“Eu acredito em sonhos. Na sua força. E eu acredito que, a partir do momento em que sabemos qual é o nosso sonho, temos que correr atrás dele! Independentemente do que aconteça.”

“Sei que às vezes pode parecer uma droga, mas o amoré capaz, muitas vezes, de salvar, sando que, na maioria delas, a salvação é a de nós mesmos.”



Nenhum comentário:

Postar um comentário