sábado, 10 de junho de 2017

RESENHA: L.O.V.E. - CARINE RAPOSO.



Cupcakes, hoje trouxe mais uma resenha de outra obra da parceira fofa Carine Raposo!



LIVRO: L.O.V.E.
AUTOR (A): Carine Raposo.
EDITORA: Produção Independente.
PÁGINAS: 42.
SINOPSE: “Oi Luíza!
Você conhece o L.o.v.e.?
É o novo aplicativo da Essex Inc., o primeiro capaz de reproduzir sensações realistas.
É isso mesmo, você leu certo.
E nós já estamos bombando!
São mais de 200.000 downloads desde o lançamento.
Sabe por quê?
Ele é extra-sensorial.
Quer saber mais?
É fácil.
Clique no link e baixe no seu celular.
Verificamos que 45 de seus amigos já estão conectados.
Só falta você.
Está preparada para a melhor experiência da sua vida?
L O A D I N G”



“L.O.V.E.” nos traz uma estória futurística com Luiza e Jorge. Ambos vivem conectados ao aplicativo L.o.v.e que serve como uma nova vida para os humanos, pois desde que foi lançado e ganhou usuários, a humanidade se viciou.


Viciou-se tanto que por conta disso perderam a capacidade de sentir, e o aplicativo os proporciona isso. Prazeres alimentícios e carnais, relacionamentos fáceis e uma vida glamorosa.  


Contudo, isso não estava certo e Jorge descobriu isso. O rapaz tenta a todo custo avisar sua amada Luiza que acaba concordado em se desconectar do aplicativo e encontrá-lo cara a cara. Mas, a vida fácil do L.o.v.e. afeta a mente de muitos e Luiza pode ter se encantado demais. Seria ela uma pessoa confiável, ou apenas mais uma viciada?


Carine (a autora) já teve duas outras obras suas resenhadas aqui no blog (O Penhasco e O Templo) e mais uma vez sua escrita chega para arrasar. Com um contexto completamente de sua trilogia inicial O Penhasco, ela agra nos apresenta a tecnologia bem mais avançada.


O conto, que foi postado no Wattpad  e provavelmente terá continuação, traz a esperança e o medo dos avanços tecnológicos que o mundo busca. A humanidade sabe que com essa tecnologia coisas infindáveis poderiam ser feitas, mas nós a usuários para o bem ou para o mal?


Essas questões estão bem presentes na obra, retratando tanto o pensamento mais a frente quanto o nosso cotidiano. Afinal, estamos todos sempre ligados à tecnologia. Será que um dia seremos tão reféns dela que não nos preocuparemos mais com a vida real?


A autora criou um mundo incrível, juntando mistério, ficção e muito suspense. A estória se desenrola rapidamente e não nos deixa larga-la. Por ser um conto, é bem curtinho, o que permite a nós, leitores, um momento rápido de prazer literário.


Escrito em parágrafos interativos como se estivéssemos realmente em um aplicativo, L.o.v.e. me conquistou e já quero mais! Recomendo!


Deixo abaixo, para vocês, a minha seleção de trechos:


“- Nós já não éramos humanos há muito tempo antes do L.o.v.e. Apenas pare e pense. Nesses poucos minutos que passei aqui, eu só pensava uma coisa. Talvez, a gente tenha morrido enquanto vivia.”




Nenhum comentário:

Postar um comentário